segunda-feira, 16 de setembro de 2019

A brincadeira que pode acabar mal na Área 51 EUA

De acordo com a CNN em 16 de Setembro, o jovem Matty Roberts (20 anos) criou uma brincadeira para invadir a base secreta dos EUA, comumente conhecida como "Área 51", causando efeitos inesperados.

Iniciativa inimaginável que atraiu 3,5 milhões de pessoas

Roberts é estudante e mora na Califórnia nos EUA, não esperava que a sua brincadeira no Facebook se tornasse tão atraente: "Fiz o evento pensando numa piada uma simples brincadeira, você sabe, se invadir uma zona militar , terá que pagar uma penalidade pesada. Publiquei 'Área 51' no Facebook na manhã 27 de junho e agora vejo que 3,5 milhões de pessoas se inscreveram, o número é inacreditável. Embora eu tenha tentado alertar, mas não possa detê-los, todos devem assumir a responsabilidade pelas suas ações ".


De acordo com o plano que Roberts "sugeriu" on-line, bastaria reunir pessoas suficientes para contornar o sistema de segurança dessa base militar extremamente secreta.

A "Área 51" está localizada na parte sul do Nevada, oeste dos Estados Unidos, 134 km a noroeste de Las Vegas, famosa por investigar e fabricar armas ultra-secretas, como também rumores de ter obtido OVNIs e corpos de alienígenas caídos em Roswell 1947 e outras aeronaves recuperadas noutros pontos do planeta.

O evento da invasão da "Área 51", marcado para 20 de setembro, atrai não apenas americanos, mas também pessoas curiosas de todo o mundo. Muitas pessoas juraram ir aos EUA para participar neste evento. As forças armadas dos EUA não consideram uma piada e atualmente estão trabalhando num plano para lidar com esta situação.

Até os agentes do FBI  foram à casa do jovem Roberts para investigar por que esse jovem teve uma ideia tão absurda?

As cidades de Rachel e Hiko, localizadas perto da "Área 51" no Condado de Lincoln, Nevada, planeiam sediar dois festivais, Alienstock e Storm Area 51 Basecamp, para "esperar" pelo evento.


Funcionários do condado também planeiam lidar, com uma estimativa de 5.000 a 50.000 pessoas presentes no evento.

Sinais de alerta de intrusão serão colocados fora da "Área 51"

O xerife do condado de Lincoln, Kerry Lee, disse, mesmo que apenas 1% das pessoas registadas a participar do evento no Facebook apareçam, existe uma pressão de segurança incrível.
Atualmente existem apenas 26 policias encarregados por todo o município de 27.000 km2, mas o número de destacamentos futuros é estimado em mais de 150 policias e 300 profissionais de saúde.


Os intrusos ilegais "Área 51" serão presos e multados em pelo menos US $ 1.000.
Além disso, se causarem incidentes graves, é mais provável que os infratores sejam presos com graves consequências.

Será que vamos ter algum português nesta loucura de outro mundo!

Sem comentários:

Publicar um comentário