domingo, 25 de dezembro de 2016

Mutilação: O caso perfeito - Argentina

Na reta final de 2016 foram encontrados 40 animais mutilados na região de La Pampa e Rio Negro, na Argentina.

Uma cena desconcertante digno de um filme de "terror", em que estes animais ficaram sem metade da pele e músculos da cabeça.

Também lhes foi retirado o pavilhão auricular, parte da língua, olho, sistema reprodutivo e ânus, foram extraídos usando tecnologia muita avançada, que de acordo com as investigações - os cortes seriam feitos com "bisturi a laser" que é capaz de cortar, queimadura, ou destruir o tecido coagular com precisão, limpeza e velocidade.

Os cientistas que estiveram envolvidos nestes estudos têm sido surpreendido com este desenvolvimento, uma vez que não há sangramento.

Inexplicável. A "mutilações de gado" é registada à várias décadas na Argentina, mas na reta final de 2016, não foram capazes de explicar estes incidentes se tornando mais um enigma.

Felizmente, os meios de comunicação fizeram eco revelando o destaque de uma forma séria e objetiva, o que tem gerado interesse nos agricultores afectados pelas autoridades para relatar esses fatos insólitos.

Sinais. Em casos de mutilação de gado, os estudiosos conseguiram ficar a conhecer alguns dos padrões de comportamento antes, durante e depois dos ataques.

Alguns deles são a presença de luzes misteriosas de diferentes cores que voam sobre a área.

Neste último caso registado na Argentina, os guardas responsáveis ​​por cuidar dos animais, relataram que ao chegar no local onde as luzes foram vistas encontraram os animais mortos.

Testemunhas descreveram ter visto " dois seres de rosto cinza, feios e corpo colorido`.
Chegando atirar nestes seres sem saber se os disparos fizeram algum efeito nos seres que terão desaparecido.

As autoridades do governo no dia seguinte encontraram pegadas feitas a cada 10 metros, como se esta criatura se movece aos saltos.

Um dado importante explica o significado dos três níveis de governo, cientistas e investigadores de OVNIs, devem unir-se para chegar a uma conclusões no mais curto espaço de tempo e fornecer respostas a dezenas de agricultores.

Yohanan Diaz Vargas

Sem comentários:

Publicar um comentário