quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Taxista paralisado num encontro com OVNI


Por -  Jorge Moreno.

Mérida, Yucatán -. Miguel Ángel Gonzalez Mena, viveu a experiência mais estranha da sua vida, quando em 1993, ele entrou cara a cara com uma luz estranha que literalmente o paralisou.

Miguel Ángel conta a sua experiência: "Eu era motorista de táxi há muitos anos, e na época (1993) era comum entrar na estação de Cacao (Abala), por volta das 3, 4 horas da manhã, tão comum que ninguém poderia imaginar que algo estranho pudesse acontecer. "

"No dia 02 de Novembro, fui contatado por umas senhoras para um serviço, era feriado, cheguei eram cinco horas da manhã, tudo estava normal, apanhei a Rodoviária Federal para alcançar o desvio duplo para entrar em Cacau e foi quando de repente vi uma luz distante na minha frente. "

"Meu primeiro pensamento foi de que outro motorista de táxi teria chegado primeiro ou ficado com o meu serviço, nesse momento me lamentava, quando de repente percebi que havia uma outra combinação, mas era apenas uma luz que veio na minha direção a um ritmo impressionante, ficando a meu lado e foi nesse momento que fiquei paralisado. "

"Só consegui dizer 'um OVNI, um OVNI", através do espelho retrovisor vi  o que parecia ser uma estrela se afastando.
Ao chegar à aldeia, a primeira coisa que fiz foi dizer às pessoas que ali se encontravam, mas foi um erro que começaram a duvidar da minha observação, não irei culpá-los, porque é algo inacreditável, eu estava muito nervoso e chateado, mas decidiu voltar ao local para mostrar a eles, mas, infelizmente, não havia nada, e escarnecido,devem ter pensado que eu estava bêbado ou doente da cabeça, mas não. "

Sobre o OVNI: "Este esteve a cerca de 12 metros de altura e 25 metros de distância de mim, perto o suficiente para o descrever como algo nebuloso, não emite nenhum ruído, era muito grande, do tamanho de um trailer, tinha várias janelas algumas iluminadas e outras sem iluminação era como uma esfera que rodava entre si.
Algo traumautico de se ver.

"Resolvi falar somente com pessoas realmente interessadas, como a maioria não entende por sua ignorância e tirar sarro de mim.
Os que realmente acreditaram nesta história foi a minha família e um amigo colega de trabalho nos táxis Rach Martin.
Foi devido a eles que resolvi contar a minha experiência.

Crédito

Portugal não é excepção de encontros entre Taxistas e o fenómeno OVNI.

São Torpes - Sines

António Messias de 58 anos Taxista na cidade de Sines conta: Em 1994, estava a experimentar um novo táxi, era cerca da meia-noite, quando parei por detrás do café da praia de São Torpes para urinar.
Foi nessa altura que ouvi um barulho estranho pareciam umas latas a bater umas nas outras, ia rodando e por baixo haviam luzes de várias cores a acender e a apagar.

Ás tantas passou mesmo por cima de mim, e apareceu – me que ai já vinha mais baixo, mais ou menos a uns cinco metros.
A configuração faz lembrar aqueles cogumelos abertos.
Tudo se passou em cerca de meio minuto.
Achei aquilo engraçado, era realmente bonito.
Pensei afinal tenho oportunidade de ver uma coisa destas!
Se aquilo parasse naturalmente fugia!
No outro dia fui comentar isso no banco e foi quando me disseram que outras pessoas também tinham visto.

Matéria que saiu no Jornal de Sines, salientando as inúmeras observações sobre a região com a participação de Nuno Alves e Silvio Guerrinha.

Sem comentários:

Publicar um comentário