sábado, 28 de maio de 2016

Estranho fenómeno entre Abrantes e Bemposta

Imagem meramente ilustrativa
A observação deste acontecimento terá decorrido no dia 26 deste corrente mês de Maio pelas 16:55h, quando Rui Lino, juntamente com a sua família regressava a casa numa viagem de carro "Ponte de Sor".
Rui Lino é um conhecedor do fenómeno OVNI sendo uma pessoa com conhecimentos dentro desta área como também elevando sempre uma postura firme e séria separando a realidade da ficção.
Rui além do seu interesse pelo fenómeno OVNI é um aficionado em fotografia.
Porém os seus olhos estão sempre vigilantes ao céu na tentativa de visualizar algo de anormal que possa estar conectado nos parâmetros do fenómeno OVNI.
Um procedimento usual e comum nos aficionados da ovnilogia.
Abaixo imagens e relato da testemunha de mais um caso sinistro ou invulgar no nosso país.

Localização da observação

Relato da testemunha - "No dia 26/5/2016 pelas 16:55, vinha com a minha família de Abrantes. 
Vínhamos entre Abrantes e Bemposta e numa zona de pinheiros à direita, eu e a minha mulher vimos, por cima de um dos pinheiros (1 ou 2 metros acima), como que uma meia lua de fogo, como se fosse uma explosão, mas uma coisa esquisita que durou uma fracção de segundos. Olhámos um para o outro e eu disse: Viste aquilo?!!! 
Ela disse que sim com uma cara muita admirada. 
É estranho, porque o avistamento foi mais ao menos a uns 100 metros e vínhamos com os vidros do carro abertos e não ouvimos nenhum barulho nem vimos fumo! 
Parei logo o carro numa estrada  de terra batida ao lado do local e resolvi tirar uma foto e ali ficámos uns 10 minutos a ver se víamos alguma coisa. 
A minha sogra e os meus filhos que vinham nos bancos traseiros do carro não viram nada porque vinham a falar uns com os outros".


Dimensão do objecto
Podemos confirmar que na respetiva data e hora entre Abrantes e Bemposta, não decorreu qualquer vôo que possa ter induzido Rui Lino e sua esposa a uma má interpretação!

O vôo mais próximo se encontrava a muitos quilómetros de distância, sendo impossível a sua observação como podemos ver na imagem abaixo.


Vôo e identificação da aeronave
Esta não é a primeira vez que se relata a observação de um objecto com formato de meia lua.
De salientar que a referida explosão nos faz recuar no tempo onde em Matozinhos uma outra testemunha relata situação semelhante.



Se presenciou, observou algo de anormal, queira reportar ao UFO Portugal através do nosso e-mail ( ufo_portugal@sapo.pt ).

5 comentários:

  1. Qualquer informação envie-nos via email.
    Alguns anos antes neste mesmo trajeto teria decorrido uma outra observação segundo outra testemunha!

    ResponderEliminar
  2. Já uma vez quando ia a caminho de Abrantes vi uma estranha nuvem pequena que se destacava das outras e veio até ao solo. Foi mais ou menos no mesmo sitio. Ainda saí do carro para ver melhor mas depois tive medo e arranquei. Nota: Vinham alguns carros atrás e sei que também viram porque estava todos a parar. Isto foi no principio deste ano mais ou menos ás 9:00 da manhã.

    ResponderEliminar
  3. Eu viajo por vezes de noite e passo nessa zona. Já vi coisas estranhas mas não foi aí. Uma madrugada na recta de Pegões vi uma luz branca muito intensa, muito forte, de um objecto aproximadamente redondo que pairava sobre umas árvores ao longe. Seriam duas da madrugada, passaram alguns camionistas por mim pois abrandei para ver e até parei e eles de certeza que também viram essa luz.

    No ano passado entre Ferreira do Alentejo e Beja passou um objecto a uma velocidade muito mais elevada que a de um avião, vinha de Norte e virou para Oeste, não fazia nenhum barulho e garantidamente não era satélite nem avião comercial, seria alguma experiência militar? Não sei mas a velocidade era impressionante. Eram perto das dez da noite ainda havia alguma luminosidade foi no mês de Julho.

    Mas a experiência mais estranha foi esta que relato. Durante muitos anos esqueci-me e ainda hoje tenho dificuldades em recordar. Sei que aconteceu mas parece que a mente sugere que foi um sonho. Estava no sotão teria 11 ou 12 anos e fui à janelinha espreitar o céu. Era Verão e vi o céu todo nublado com uma espécie de nevoeiro em altura. Achei estranho pois na minha zona Algarve não há nuvens no Verão. Saí à rua à varanda e via umas luzes muito fracas brancas redondas a girar lentamente, como se estivessem projectadas para a nuvem, mas olhei bem e percebi que o foco estava por cima e o diâmetro de todo o conjunto era enorme. Aquilo aproximou-se e as luzes rodaram mais depressa. Como se soubesse que estava ali a ver. Recordo-me de voltar para dentro e chamar a minha mãe, que me proibiu de sair à rua e ir à janela. Mas curioso voltei à janela e vi as luzes já mais longe, a uns 500 metros da casa. Uma hora depois o céu estava limpo. Isto aconteceu quase no centro de uma vila algarvia. Durante muitos anos esqueci mas voltou-me à memória há uns anos mas ainda tenho dificuldade em recordar, é estranho. Ah, não havia barulho nenhum.

    ResponderEliminar
  4. Acrescento que a RTP2 tem um documentário sobre um caso ocorrido em Montargil, a Sul da Bemposta.

    ResponderEliminar