quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

De acordo com Snowden, os alienigenas não são ouvidos por causa da criptografia

Em entrevista para o podcast StarTalk, do cientista Neil de Grasse Tyson, Edward Snowden – figura que ficou conhecida como sendo o delator do PRISM, suposto programa de espionagem dos Estados Unidos – disse que os alienígenas podem estar tentando fazer contato com a Terra neste exato momento. 

Entretanto, por conta da criptografia de dados, nós provavelmente nunca ouviremos o que eles têm a dizer.
De acordo com o ex-funcionário da Agência de Inteligência dos Estados Unidos, toda civilização avançada tende a criptografar as suas comunicações para evitar o roubo de informações. 
O mesmo deve acontecer com os alienígenas, que protegem suas informações com técnicas que fazem com que as mensagens fiquem "ilegíveis" para qualquer um que não tenha a "chave certa".
Se você tem uma civilização alienígena tentando ouvir outras civilizações, ou nossa civilização tentando ouvir os extraterrestres, há apenas um pequeno período no desenvolvimento da sua sociedade quando toda a sua comunicação será enviada desprotegida através dos meios mais primitivos”, disse Snowden sobre a possibilidade de termos contato com extraterrestres.

Quando pensamos em tudo o que estamos ouvindo através dos nossos satélites ou tudo o que eles estão ouvindo de nossa civilização – se há de fato ETs lá fora –, todas as suas comunicações são criptografadas por padrão. 
Se o que estamos ouvindo é um programa de televisão ou realmente um extraterrestre, tudo é indistinguível para nós”, completou. 
Edward Snowden ainda está exilado na Rússia por conta do vazamento de dados da Agência de Inteligência dos Estados Unidos.

segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

Observação de OVNI em Pinheiro de Ázere - Santa Comba Dão - Portugal

Segue o relato da testemunha...

O fenómeno ocorreu no dia 5 de Dezembro, em Pinheiro de Ázere por volta do meio dia.
Foi observado um objeto branco oval em baixa altitude sem emissão de som, tentei tirar algumas fotos, mas o telemóvel não tinha resolução suficiente, pelo que não se vê.
Foi observado em dois locais diferentes num intervalo de 15 minutos, os locais devem ter uma distância de cerca de 2km(+/-) o objeto encontrava-se em marcha lenta, tendo sido observado por cerca de 1 a 2 minutos!
Foi pena não ter uma máquina com uma boa objetiva!
Em anexo segue uma imagem do google maps a demonstrar os locais da sua observação!


Se observou algo de anormal, queira reportar via e-mail para: ufo_portugal@sapo.pt 

Presidente - Dilma afirma ter "muito respeito" pelo ET de Varginha

A presidente Brasileira Dilma Rousseff afirmou que tem "muito respeito pelo ET de Varginha".

A declaração foi realizada em 2013 numa entrevista às rádios Vanguarda e Itatiaia em Varginha, cidade do sudoeste de Minas Gerais

"Primeiro eu queria te dizer que tenho muito respeito pelo ET de Varginha.
Eu sei que aqui, quem não viu conhece alguém que viu ou tem alguém na família que viu.
Mas, de qualquer jeito, eu começo dizendo que esse respeito pelo ET de Varginha está garantido", afirmou Rousseff.

A presidente respondia uma pergunta ligada aos incentivos à produção de café na região da cidade, que ficou conhecida pela suposta aparição de alienígenas em 1996.
O episódio terminou se tornando a marca registrada do município e foi citado pelo jornalista na pergunta – o que justificou o comentário.

Temas terráqueos

Na mesma entrevista, Dilma comentou outros temas além de ETs. 
A presidente aproveitou a ocasião para reafirmar que a inflação se encontra completamente sob controle.

GEIPAN OVNIs e ciência em 40 anos de trabalho


Pontos brilhantes no horizonte, um triângulo brilhante durante a noite ou marcas na vegetação!
Em Toulouse, uma estrutura única de investigação na Europa sobre objetos voadores não identificados (OVNIs) em França, tem o interesse tanto educacionais e científicos.

Nas instalações do CNES (CNES), os quatro membros do Grupo de estudos e informações sobre os fenômenos aeroespaciais não identificados (GEIPAN) recolhe depoimentos de cidadãos comuns atingidas por aparições celestes.

"Estamos aqui primeiramente para ver coisas muito objectivamente," temperamentos Murielle Richard, a quem muitas pessoas contactam via tefefone: "Eu não sou louco, mas ...". "A suposição de que podemos encontrar numa explicação."

Depois de uma primeira avaliação "consistência e estranheza", a equipe destaca os "princípios" da pesquisa: "tempo, astronomia e do tráfego aéreo", disse Xavier Passot, chefe da agência.

Durante a informação 80% do relato é pobre no fornecimento de detalhes.
É complicado estimar a distância de um objeto que nós não vimos, mas é mencionado pela testemunha.
"Esta é a chave de todos os erros sobre a pesquisa OVNI", enquanto pilhas de arquivos são agrupados na sua mesa.

Muitasdas observações são, portanto, muito prosaicamente lanternas chinesas, balões, aviões ou ... insetos.

- Lasers, raios e Hoaxes -

A silhueta de Venus é regularmente confundida com um OVNI, porque pode ser muito baixo ou alto no céu e mudar de cor em determinadas condições meteorológicas, como a lua ou a Estação Espacial Internacional (ISS).

Dentro da equipe, nós preferimos falar sobre os fenômenos aeroespaciais não identificados (PAN), em vez de OVNIs, porque "muitos fenômenos não são objetos": iluminação pública, disco laser, reflexos ...

As descobertas científicas sobre relâmpagos globulares, que podem passar através do vidro, também podem ter resolvido alguns casos, quando outros acabarão por revelar-se uma bola de neve ou embuste.

O GEIPAN trabalhou com alguns testemunhos (304) durante os últimos 12 meses, mas a equipe recebeu dezenas de outros.
Eles não se tornam verdadeiras questões, porem a falta de informação mais precisas não ajuda muito.

Alguns casos, no entanto, merecem um parecer ou uma pesquisa realizada por um dos 20 voluntários investigadores espalhados pela França continental e nos territórios ultramarinos.

Apenas a organização da sociedade civil dedicada a OVNIs na Europa, o GEIPAN não tem a mesma equivalencia que o Chile ou Peru tem hoje.

A estrutura foi criada em 1977 por iniciativa de Claude Poher, um cientista francês que tinha encontrado o pioneiro americano da ufologia Allen Hynek.
Serviço renomeado sobre o estudo de fenômenos atmosféricos e impactos (SEPRA), em 1988, desaparece para surgir por volta do ano 2000, e em 2005 surgir como GEIPAN com uma missão de informação pública mais forte.

"Este é um serviço importante para a população.



- 10% dos casos em circulação -

O GEIPAN começou, assim, em 2007, a publicação de seus registrs num site, que lista 2.343 hoje, incluindo PV gendarmerie que remonta a 1937.

Destes, 55% são totalmente explicados (categoria A) sem explicação a fonte tenha sido claramente identificada (B), C casos (35%) as informações são irrepreensíveis.
Cerca de 10% dos casos (D), porém bem informados, permanecem num misterio.

"O mais extraordinário são os discos que aterram no solo", disse o Sr. Passot.
Ele mantém na sua mesa uma réplica em miniatura de um deles, visto por uma testemunha em 1981, em Trans-en-Provence.

Estes casos inexplicáveis ​​confirmam a existência de OVNIs nos céus da França?
"Não posso dizer que sim. Não não tenho nenhuma prova formal, apenas suspeitas."

E, além disso, se fossem muitos objetos ", eles não são necessariamente alienígena."

Fonte

Tradução e adaptação

A melhor evidência OVNI em anos filmado pela NASA


Esta filmagem realizada na Estação Espacial Internacional, aparentemente rodeado por Objetos Voadores Não Identificados (OVNIs) esta semana como foi com a marca "a melhor peça de evidência em anos" para a existência de aliens.

A filmagem tem causado uma tempestade nas redes sociais depois de ser carregada no YouTube durante ancoragem da Soyuz pela NASA USTREAM."

Ela mostra uma parte do acoplamento entre a nave espacial Soyuz TMA-19M russa e da Estação Espacial Internacional (ISS) a 15 de Dezembro, quando Tim Peake se tornou o primeiro astronauta britânico a bordo da Estação Espacial.


No vídeo, o narrador, que fala com uma voz robótica, diz: "Este vídeo, que foi tomada pelo ISS na terça-feira durante a acoplagem entre a nave espacial Souyez eo ISS é a melhor peça de evidência OVNI capturada em anos.

"Dezenas de OVNIs podem ser vistos no fundo da filmagem - Outros próximos outros mais afastados.

"Uma vez que a câmera se afasta do sol parece iluminá-las."

Fonte

domingo, 27 de dezembro de 2015

Exercito recolhe amostra de amassamento em Belo Horizonte "Brasil", testemunhas relatam observação de OVNI no local

O fato teria ocorrido durante uma madrugada da primeira quinzena de Outubro de 2015 na cidade de Contagem, região metropolitana de Belo Horizonte “Brasil”.

Vídeo feito no local mostrava uma clareira onde a vegetação havia sido amassada, porém não quebrada. Testemunhas locais dizem ter visto luzes e ouvido barulhos estranhos como o senhor Eliseu Ladislau que diz ter visto estranhas luzes sobrevoando o local, que acendiam e apagavam, outra testemunha que passava pelo lugar, João de Deus, diz ter ouvido um barulho como de alguma maquina, porém ficou com medo de se aproximar e se retirou rápido do local.

video

No lugar não existia marcas que algum veículo tivesse entrado no local, o testemunho mais interessante vem de uma senhora entrevistada que afirma ter estado no local um caminhão do exército, que teria coletado amostra e se retirado do local no diz ela, uma "peça".

Os relatos excluem a possibilidade que algum tipo de redemoinho, causado por uma corrente de vento localizada tenha sido a causa do amassamento, talvez o exército tenha mais respostas do que poderia ter ocorrido.


Entre crentes no fenómeno, certamente existirão aqueles que acreditam no amassamento natural das plantas como ocorre anualmente no (Alentejo)- Portugal, onde pode aqui seguir essa explicação... Crop Circles no Alentejo.

Porem algo de anormal ocorre no Brasil, onde o Consultor e Editor da "Revista UFO" Ademar Gevaerd, tem acompanhado de perto todos os surgimentos dos misteriosos círculos que surgem em colheitas.

Em Abril na cidade de Cuiabá "Brasil", testemunha registava em dois vídeos algo que lhe despertou atenção, enviando os vídeos para o Ufo Portugal para uma posterior análise.

video

video

Os vídeos realizados com um telefone móvel, não nos permite ter uma exatidão ou qualidade suficiente para uma análise profunda, sendo muito relativo a identificação do objeto registado, que não nos passa despercebido!

No dia 26 de Dezembro deste corrente ano, ocorre uma outra observação em Ribeira do Rio Grande, também no Brasil, onde a testemunha registou a observação em vídeo.
A testemunha relata que o objeto em questão permaneceu no local durante 40 minutos desaparecendo logo de seguida.

video

Certamente as dúvidas serão muitas e as explicações as mais faceis que vão desde balões, drones a aves.
Porem será esta a explicação mais fidedigna!
O Brasil é um país com uma grande variadede de observações de Norte a Sul, pela qual já contou com operações militares como correu nos anos 70 com a Operação Prato, realizada pela Força Aérea Brasileira.

Tire as suas dúvidas.

sábado, 26 de dezembro de 2015

De outro planeta! Relembre sete casos famosos de supostas aparições de ETs


ETs: há quem jure de pés juntos que já encontrou com os seres de outro planeta.

Quem nunca fez a famosa pergunta “será que estamos sozinho no universo?” que atire a primeira pedra. Os extraterrestres não são unanimidades – há adeptos da ideia e incrédulos. De qualquer forma, na última quarta-feira (6), foram reveladas fotos do que seriam ETs que visitaram o planeta Terra.

Nas imagens, uma espécie de criatura que seria de outro planeta aparece em registro feito em 1947, na cidade de Roswell, nos Estados Unidos. O anúncio foi feito por ufólogos diante de 6 mil pessoas na Cidade do México.

Tudo bem que muitos dos presentes não se impressionaram muito – houve quem dissesse que mais se pareciam com múmias do que aliens.

Seguindo a linha tênue entre ficção científica e realidade, a JP Online fez uma lista de sete casos famosos de supostas aparições de ETs no Brasil e no mundo.

Confira abaixo:


A cidade de Roswell, Novo México, é uma das mais icônicas no que diz respeito a alienígenas. Tudo porque uma nave extraterrestre teria caído no local, após ter sido avistada pelo comandante Arnold. A Força Aérea Americana teria encoberto o ocorrido, além de levado os corpos dos UFOs para uma base secreta. O governo norte-americano sempre negou, mas diversas teorias da conspiração surgiram desde então.


A pacata cidade de Varginha, em Minas Gerais, foi sacudida pelo famoso episódio. Tudo aconteceu quando duas irmãs e uma amiga juraram ter avistado, em um terreno baldio, uma criatura marrom, de olhos vermelhos, aparência viscosa e protuberâncias na cabeça. Depois disso, outros relatos de luzes e naves foram reportados. A região ficou conhecida e é visitada até hoje por entusiastas.


A cidade de Colares, no Pará, acabou sendo palco para uma operação de 20 oficiais militares que buscavam desvendar estranhos acontecimentos. Duas semanas após sua chegada, luzes começaram a ser avistadas, assim como naves maiores do que prédios. O resultado da investigação não foi amplamente divulgado pelo governo.


Nada mais, nada menos do que 20 óvnis acabaram identificados por um radar localizado em Brasília. Diante disso, foram observadas luzes misteriosas nos estados de Goiás, São Paulo, Rio de Janeiro e Paraná. A Força Aérea chegou a tentar perseguir as naves e o ocorrido nunca foi bem explicado.


O madeireiro Travis Walton protagonizou um dos casos mais famosos de abdução. Ele estava com cinco amigos na Floresta Nacional Apache-Sitgreaves, no Arizona, quando desapareceu. O grupo que estava com Walton acabou sendo acusado de assassinato, até que ele foi encontrado, cinco dias depois, a 80 km de distância, bastante desorientado e com sinais de esgotamento.


O fazendeiro Antônio Vilas-Boas, do interior de Minas Gerais, teve uma história bastante complexa. Ele jurou, na ocasião, ter sido abduzido por extraterrestres e levado a uma nave com o intuito de... procriar. Ele teria passado quatro horas e mantido relações sexuais com uma humana. Depois, manchas negras apareceram em seu corpo, fruto, segundo médicos, da radiação.


Na ocasião, diversos relatos de objetos não-identificados, que seriam naves alienígenas, surgiram. Testemunhas tiraram fotos dos óvnis, que se concentraram em sobrevoar residências importantes do governo dos EUA, como a Casa Branca. Nenhuma explicação conclusiva foi dada, mas a Força Aérea deu como possibilidades falhas em radar e meteoros.


Testemunha afirma que OVNIs existem e revela provas fotográficas


Por: Jon Austin - Um médico que manteve câmeras apontadas para o céu por dois anos e alega ter capturado provas conclusivas de OVNIs reais.

Dr Richard O'Connor, 60, capturou quase 280.000 imagens usando duas câmeras com detetor de movimento que estão apontadas para o céu na sua casa em Helena, Montana, EUA.


O anestesiologista semi-aposentado no hospital de St. Peter em Helena, afirma que não há outras explicações lógicas para a sequência de cinco fotos que mostram um objeto voando pelos céus.

Conta: "Na minha opinião, mesmo para um cético endurecido diria 'Uau, isso é o que eu espero num OVNI seria semelhante."

"Parece ser uma fonte de luz.


"Estas fotografias são uma prova positiva de que os OVNIs são reais."

Depois que ele postou-los on-line, uma fúria de debates irrompeu entre a comunidade ufológica, com algumas sugestões que as imagens eram falsas ou não, uma prova conclusiva.

Agora o Dr. O'Connor está recorrendo a vários peritos em fotografia para examinar as suas capturas.

Alguns alegaram Dr. O'Connor não entrou numa investigação imparcial, como ele tem sido um longo defensor dos círculos nas colheitas que está sendo causada por alienígenas Crop Circles Research Foundation.

Ele também é um crente de 1947 Roswell incidente "UFO crash" no Novo México através da sua amizade com Jesse Marcel Jr., cujo pai major Jesse Marcel disse ter-lhe mostrado, destroços do alegado acidente OVNI naquele momento.

Dr. O'Connor coloca duas Reconyx Hyperfire PC câmeras 900 Trail a 9 metros de altura no canto do sudeste da sua casa, na esperança de capturar alguma evidência de OVNIs através do detetor de movimento.

Quando acionado pelo movimento, das câmeras, que estão a cerca de 9 metros de altura, e tiram 20 fotos em intervalos de aproximadamente 1 segundo.

Ele disse: "Basicamente o que você vê é uma superfície muito simétrico, suave e reflexivo que parece ter a sua própria fonte de luz."

Diz não ter conhecimento de como manipular imagens e enviou as fotos para o UFO Centro Nacional de Relatórios (NUFORC) que investiga e mantém um banco de dados de avistamentos de OVNIs.

Peter Davenport, especialista do NUFORC, enviou-os para uma foto-analista para uma investigação mais aprofundada.

O analista não identificado disse: "Resumindo, acho que as imagens são reais, mas permanecem um mistério.

"Eu suspeito que as luzes nas primeiras e últimas fotos são reflexo do Sol no objeto, e não qualquer sistema de propulsão.

"Assim, concluo que é um enigma para resolver, em vez de ser uma farsa."

No entanto, um analista independente, que olhou para elas, sugeriu que as imagens seriam "100% falsas", irritando o Dr. O'Connor, que jurou fazer um teste no detetor de mentiras sobre sobre as fotos.

Dr. O'Connor acrescentou: "O que você vê não é o que saiu na câmera.

"Elas merecem ser estudadas num" bem financiado, estudo científico imparcial para determinar se estamos sendo visitados ".

Um terceiro analista lhe deu mais esperança, relatando: ". Esta foto é interessante, as cores do objeto se assemelha ao céu azul e nuvens ao redor.

"Isso ocorreria naturalmente com objetos de cor prata altamente reflexivo.

"O facto de que era 1/20 segundo quadro exclui balões ou outros objetos feitos pelo homem.


"Ele também indica os objetos desacelerado e acelerado e segurou a posição por apenas um quadro, como não há nenhuma linha movimento alongado que teria ocorrido se a velocidade era constante."

Dr. O'Connor acrescentou: "Eu sou interessado na verdade.

"Estou sujeito a críticas para chegar ao fundo da questão, então acho faz parte da questão em se saber a verdade."

Scott C Waring, editor do Diário UFO Sightings, diz: "Isso tem que ser a foto mais clara de um OVNI que vimos durante todo o ano. (Crédito).


"Ele foi capturado durante a luz do dia, numa área de Montana que tem uma população muito baixa."

Em Portugal Euclides Santana colaborador e membro do Ufo Portugal, recorre ao mesmo sistema de vídeo captura, onde terá registado mais de uma dúzia de vídeos com objetos voadores não identificados que têm vindo a despertam o interesse e curiosidade da Ufologia nacional.



A verdadeira origem destes objetos permanece num autentico mistério quer lá fora como também em Portugal.

quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

Jesus seria um Astronauta? Super Interessante


A origem extraterrestre de Cristo, sugerida em trechos da Bíblia, estaria sendo escondida para não destruir as antigas religiões do planeta.
TEORIA - A origem alienígena de Cristo
OBJETIVO - Negar a verdade para evitar o descrédito das igrejas tradicionais
Está escrito na Bíblia: Jesus Cristo era um ET. Pelo menos assim interpretam as escrituras os defensores da teoria de que Jesus chegou ao nosso planeta num disco voador, tomou a forma humana e espalhou conhecimento alienígena no Oriente Médio. As lideranças religiosas esconderiam a verdade para não destruir as religiões da Terra. Mas o complô ganhou um inimigo em 2003. Dom Fernando Pugliese, bispo da Igreja Católica Apostólica Brasileira, disse acreditar na origem extraterrena de Cristo. Pronto. Um religioso aceitava a tese do escritor Erich von Däniken no livro Eram os Deuses Astronautas? (Melhoramentos, 2000): as divindades vieram do espaço.
Formado em filosofia pela Universidade Gregoriana de Roma, na Itália, Dom Pugliese estuda mensagens ocultas na Bíblia. Ele tem sua própria interpretação para os ensinamentos cristãos. A estrela de Belém, que guiou os Reis Magos até a manjedoura de Jesus, seria uma nave espacial, porque se movia de forma inteligente, acompanhando a viagem dos nobres. A aparição da Virgem Maria na cidade de Fátima, em Portugal, seria uma manifestação ufológica, um robô em forma feminina controlado por um óvni. Jesus suava gotas de sangue por causa de características somáticas e psicossomáticas sobre o seu corpo humano. Embora nunca tenha visto um ET – apenas discos voadores –, Dom Pugliese acha que os anjos e arcanjos, assim como Cristo, têm origem alienígena. Segundo ele, as referências à vida extraterrestre estão no Antigo e no Novo Testamento, em mensagens cifradas.
Mais gente acredita que o maior símbolo do cristianismo tem algo a ver com os homenzinhos verdes. Se não, como explicar os milagres de curar doentes, multiplicar pães e peixes ou transformar água em vinho? Entre os crédulos está o francês Claude Vorilhon, ou simplesmente Raël, fundador do Movimento Raeliano. Autor do livro Extraterrestrials Took me to Their Planet (Extraterrestres Levaram-me ao seu Planeta, sem versão brasileira), Raël declarou em 1975 que se encontrou com Jesus, Buda, Moisés e Maomé no mundo de Elohim, o ser supremo. O criador da seita ufológica diz que todos os profetas que viveram na Terra foram enviados por Elohim. Logo, Cristo é um ET. Felizmente, segundo Raël, o filho de Deus foi clonado pelos alienígenas, que pegaram o DNA divino ainda na cruz. Assim estariam explicados os raios e tremores testemunhados na época, logo depois da morte de Cristo. Graças à clonagem, resultado de uma tecnologia de 25 mil anos, Jesus vive até hoje em outra galáxia, de onde voltará na hora certa.
Alguns escritores do movimento batizado de Nova Era, como Brad Steiger e Randolph Winters, simpatizam com a paternidade extraterrestre de Cristo. No livro The Fellowship: Spiritual Contact between Humans and Outer Space Beings (A Irmandade: Contato Espiritual entre Humanos e Seres Espaciais, sem versão brasileira), Steiger conta histórias de pessoas que garantem conversar com ETs. Uma delas explica que o Homem de Nazaré não era um deus, mas um mestre ascendente alienígena que encarnou para assumir um padrão físico mais aceitável aos humanos. Jesus voltará, mas não no Juízo Final. Ele descerá à Terra numa espaçonave, claro. Curiosamente, entretanto, não há compaixão nesse Cristo ET. Quem não atender as suas palavras será varrido do planeta.
A natureza extraterrena do messias pode ser comprovada por outros sinais, argumentam os adeptos da teoria. O anjo Gabriel visto por Maria seria um astronauta do alto de uma nave espacial, escondida pela intensidade do brilho das luzes. Foi um ET quem anunciou a gravidez à Virgem, invocando o nome de Deus para justificar o seu experimento médico. A concepção foi realizada, na verdade, por uma projeção de esperma através da luz emitida do óvni. Não deixa de haver ainda uma dose de misticismo, oculta nesse pretenso racionalismo científico: Jesus era “o corpo biológico de uma entidade espiritual cósmica”. Todos esses argumentos são encontrados em sites e publicações ufológicas, desde as mais sérias até as de qualidade duvidosa. A maioria não tem dúvidas de que João Batista, o primo de Jesus, também era um alienígena, pois certas interpretações dos Evangelhos dizem que ele havia sido “levado para o céu no interior de um objeto voador”.
ETs DIVINOS
Os conspiradores esconderiam muito mais segredos. Toda a linhagem de personagens bíblicos, do Gênesis ao Apocalipse, seriam astronautas de outras galáxias, como defende Däniken. A lista é variada: os anjos que revelaram a Ló a destruição de Sodoma e Gomorra ou conduziram os judeus na fuga do Egito, o carro de fogo que levou o profeta Elias para o céu, as visões de Deus do profeta Ezequiel, a arca utilizada por Noé durante o dilúvio. Segundo seguidores da teoria extraterrestre, todas essas descrições correspondem perfeitamente a espaçonaves alienígenas. Para colocar mais lenha na fogueira, em 1995, o padre italiano Piero Coda propôs uma questão aos seus colegas de Vaticano. Ele queria saber se a morte de Cristo na cruz também salvou as criaturas de outros planetas. Embora não tenha citado um salvador ET, Coda acabou admitindo a hipótese de que Deus poderia ter criado a vida em outros lugares do universo.
Um documento apócrifo, escrito no segundo século antes de Cristo, costuma ser apresentado como mais uma prova do messias alienígena. O livro do profeta Enoque, bisavô de Noé, relata algumas passagens inspiradoras aos simpatizantes da teoria. Entre as quais, “200 anjos desceram e tiveram relações amorosas com as filhas da Terra, que deram nascimento a gigantes”. Seria um dos mais antigos registros de casos de sexo entre humanos e ETs, tema preferido da ufologia moderna.
As mensagens cifradas da Bíblia, repletas de figuras de linguagem, realmente dão margem a diversas interpretações. Sempre há espaço para novas soluções, como envolver o mais famoso autor de milagres de todos os tempos. Uma coisa é certa. Se Jesus era mesmo extraterrestre, o papa Bento 16 e a Nasa terão em mãos a maior agência de turismo do mundo.

quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Investigador de OVNIs diz correr risco de vida por parte dos EUA


Jaime Maussan comenta “BASTA”, depois da dar a conhecer as provas de que os extraterrestres já estão na terra, isto em Maio passado, durante a conferência magistral em Bewitness Auditório Nacional onde revela que a sua vida está em perigo.

Afirmou que é espiado por entidades do governo dos Estados Unidos e inclusive tem tido conhecimento de que pode ser agredido ou assassinado, mas está consciente de que a verdade tem que ser dita e ser do conhecimento público.

O jornalista que apresentasse esta investigação a nível mundial, assinalou que as provas eram tão contundentes que o governo da União Americana procurou o desacreditar, tentando boicotar com a imprensa europeia nas suas investigações e provas de que os extraterrestres já estão na Terra.
Maussam conta: “Já esperava que após apresentar as provas os Estados Unidos não aceitariam que este evento se realiza-se e se tratasse de falsa propaganda”.

Maussan quem é considerado uma autoridade no fenómeno OVNI a nível mundial compartilhou que o ser que apresentou ao mundo não pode ser humano e as provas forenses e os investigadores envolvidos, James Hurtak, Paul Hellyer, Thomas Carey, Donald Schmitt e Eleazar Benavides membro das Forças Armadas dos Estados Unidos, são reais.

“Apresentamos a um ser de características extraterrestres, sustentado com análises de cientistas forenses, parece-me que se tratou de algo bem documentado.
Não se parece com nada humano, parece um animal similar a um réptil e aí está a evidência e sei que com o tempo se vai retomar o assunto”.

Cedo saber-se-á a verdade "afirma"

Dentro da sua investigação Jaime Maussan confirmou que nos próximos anos e com o desenvolvimento das tecnologias, o governo dos Estados Unidos não poderá continuar a ocultar os relatórios sobre a vida noutros planetas.


“Em breve vai anunciar-se a descoberta de vida em Marte, estão a resistir a fazê-lo e recomeçam as missões à lua de Júpiter onde vão encontrar vida, mas cedo saber-se-á de mais vida no Universo”, sublinhou.

Fonte

A polémica de Jaimme Maussan ( AQUI ).

Maussan é somente um dos muitos grandes nomes no mundo da Ovnilogia que deu crédito a casos mal investigados e fakes.
Todo o investigador é alheio a mentira ou má informação!

Maussan durante vários alertas de observações correntes em Portugal, optou viajar para Itália e dar cobertura a uma das maiores (FAKES) a nível mundial onde essa testemunha hoje lucra dinheiro, viagens e outras regalias.

A Ovnilogia em Portugal ainda segue no bom caminho...

terça-feira, 22 de dezembro de 2015

Campista filma OVNI a pairar sobre o mar

"É muito brilhante, as luzes são demasiado brilhantes.
Eu diria que é provavelmente bem mais de um quilometro de distância, mas é grande para que pudesse ser ainda mais e é realmente emitindo um brilho.

É iluminando bastante uma área em torno dele". Estas são as palavras descritas pelo autor do vídeo enquanto registo os acontecimentos.

"Não é um navio. 
Podemos ver a parte inferior do mesmo acima da água."

O vídeo foi carregado para o canal Mutual UFO Network YouTube a 15 de Dezembro.

O caso teria sido fechado como 'Desconhecido' pelo canadense Investigator de Campo Geoff Genge em Junho de 2014.

Um pequeno ponto: A luz é apenas visível a um quilometro de distância.
Avança no seu seu relatório: "A testemunha estava numa viagem anual de acampamento com a sua esposa no Canadá quando se dá o incidente


"A esposa estava dormindo na tenda por volta das 23:30h quando o Sr. Sheppard viu um estranho e grande luz sobre o oceano a norte da sua posição.

Assista ao vídeo...
video

OVNIs residem nas àguas de Avalon - Ilha Catalina

Avistamentos de OVNIs têm sido relatados por vários marinheiros e pescadores que testemunharam objetos estranhos a flutuam acima de navios ou sob a água, enquanto no mar. 
Na foto uma capitulação artistica de um avistamento único.

AVALON - Catalina Island é conhecida como um destino de passeios de barco para uma escapadinha relaxante ao fim de semana por excelência. 
No entanto, há mais para ver do que águas azuis cristalinas do porto como um marinheiro relatou sobre um avistamento de OVNI em águas Avalon.
De acordo com uma pós openminds.tv, um avistamento de OVNI foi relatado por uma velha família da ilha de Catalina, a 15 de Junho de 1982. 

Um testemunho citado no processo do Banco de Dados Witness Relatório da Mutual UFO Network 72.642, a testemunha estava navegando com o padrasto e a mãe na ilha de Catalina quando cerca de 20:00h a mãe gritou para olharem para o mar.
"Eu olhei e vi um enorme objeto iluminado com um movimento rápido sob a água", segundo depoimento da testemunha. "... Que durou cerca de 5 minutos apenas indo de um lado e depois o outro num padrão cruzado. 

Nós navegamos a Oeste afastando-lo como ele mudou-se para o leste. 
Nunca falei a ninguém sobre esta observação. "
Um evento como este não é incomum, de acordo com o site Mysteryportals.com, que lista vários avistamentos costeiros documentados por marinheiros que testemunharam várias travessias oceânicas OVNIs em águas locais. 

Os relatórios incluem um "objeto azul-prata, em forma de charuto", avistamento feito por pescadores ao largo da costa de Newport Beach a 10 de Julho de 1955. 
A Washington Newpor vela família de  a Ilha Catalina também relataram um avistamento que mesmo dia em 1955.
Deixe estes avistamentos servirem como um lembrete para os marinheiros se manterem alerta pois nunca saberão o que podem vir a ver.

Por: Ambrosia Brody

segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

Arquivos da Força Aérea dos EUA sobre OVNIs vão para a web; veja

Projeto durou de 1947 a 1969 no quartel-general da Força Aérea em Ohio



Os entusiastas da ovnilogia poderão se aprofundar ainda mais com o tema agora.
Arquivos do Blue Book project, um projeto da Força Aérea dos Estados Unidos lançado para investigar relatos sobre Objetos Voadores Não Identificados (OVNIs), foram disponibilizados num banco de dados on-line.

De acordo com a CNN, após 15 anos de solicitações do entusiasta John Greenewald, ele conseguiu reunir mais de 10 mil PDFs com quase 130 mil páginas a respeito de casos relacionados a objetos que poderiam ser extraterrestres.
Cada documento descreve um caso diferente, e traz detalhes inclusive de investigações de casos famosos nos EUA, como o incidente de Exeter, o caso Kenneth Arnold e o caso Mantell.

Antes, documentos desse tipo estavam disponíveis apenas em microfilmes do Arquivo Nacional de Washington ou em sites dedicados ao tema, muitas vezes sem acesso livre.
"Acho que esse material poderia ser acessível", disse Greenewald, que afirma ser o primeiro a compilar cada documento do projeto. 
Mesmo assim, ele acredita que esses arquivos são "apenas a ponta do iceberg".
O projeto, que durou entre 1947 a 1969 no quartel-general da Força Aérea de Ohio, foi encerrado após avaliação de que nenhuma informação relevante terá sido obtida.

Acesse aqui as informações.

sábado, 12 de dezembro de 2015

Crianças em Wales - Inglaterra, aterrorizadas com pouso de OVNI

A história não é nova, mas continua a ser um grande paradigma que se junta a outros com as mesmas características entre países distantes.

A história começa a 4 de Fevereiro de 1977. 
De acordo com o jornal regional do Telegraph ocidental a 07 de Fevereiro de 1977, catorze crianças em Broad Haven escola secundária perto de Haverfordwest, País de Gales, tinham testemunhado um pousou de um ovni um campo perto da sua escola, mas foi um pouco obscurecida pelos arbustos. 
O relatório também confirma que as 6 crianças relataram ter visto uma figura humanóide.
A BUFORA (British UFO Research Association) coordenador local, Randall Jones Pugh, foi contactado às 4:50 horas desse dia por um dos pais das crianças.
Aparentemente, o avistamento deixou os alunos bastante assustados, todos eles relatavam ter observado o mesmo, tinham algo fora do comum. 
O aluno em causa, David Davies descreveu um objeto de cor prata, em forma de charuto do tamanho de um carro escolar, que paira acima das árvores como se estivesse tentando descolar. 
Ele pareceu parar por alguns segundos e desapareceu por trás da linha das árvores novamente. 
Davies concordou em acompanhá-Pugh para lhe mostrar a área onde ocorreu o avistamento. 
No entanto, por volta das 18:00h, chovia fortemente e a luz do dia já era pouca. 
Tendo em conta que o suposto local de pouso foi obstruída com um córrego de fluxo rápido, Pugh observou o local e decidiu fazer mais investigações no dia seguinte.

Na manhã de sábado (5 de Fevereiro de 1977) Pugh telefonou a Hugh Turnbull do Telegraph Ocidental. 
Os dois homens acompanhados por David Davies de 10 anos, ao que foi considerado o local de pouso. 
No entanto, a pesquisa mostrou infrutífera e não foi encontrada nenhuma marca de pneus, faixas ou outros elementos de prova de qualquer coisa grande na área. 
Há, no entanto, parecem ser danos a um poste de telégrafo nas proximidades com a viga de suporte à esquerda com um ângulo.
Pugh considerou que a forte chuva pode ter sido responsável para lavar afastado alguns vestígios de provas, mas achou que era improvável encontrar algo na área.

O diretor, Ralph Llewellyn, e a sua equipe tinha sido céticos em relação aos relatos verbais e animados das crianças e não fizeram um esforço para ir investigar o ocorrido naquele momento. 
Só mais tarde após verem que todos relatavam o mesmo decidiram intervir e investigar o que tinha acontecido com todas aquelas crianças. 
Então Llewellyn pediu aos alunos para esboçar e relatar o que tinham visto sob exame de forma a poderem comparar e analisar profundamente o relato de cada uma das crianças.
Aqui estão algumas das descrições dadas pelos alunos no momento em que pediu para contar as suas histórias:

David John Davies (10): disse que eles estavam de pé na extremidade superior do campo de futebol da escola quando o objeto foi avistado. Philip (Rees) estava tentando obter uma observação mais atenta a partir dos arbustos, era um objeto em forma de charuto. Era prateado, brilhante e cantarolando. Ele parecia estar puxando algo. Então, todos nós corremos. O tempo foi de cerca de 3:35 hora em que já tinha saído da escola.

Philip James Rees (10) afirmou que viu objeto prateado ao nível do solo em torno das 13:00h depois do almoço escola e ainda estava lá quando ele voltou para a escola às 14:00h. "Os meus amigos e eu decidimos perguntar ao diretor da escola para ir ver o objeto, mas ele recusou. Dois dos meus amigos viram o movimento de uma figura. Eu estava assustada. Dois amigos, Tudor e David, ficaram muito aterrorizados. "

Micheal Mathieson Webb (11): ". Era de cor prata e tinha uma forma de charuto com uma grande cúpula e uma luz vermelha piscando no topo" 

David R. George (9) viu o objeto e o humanóide. Inicialmente após a 13:00 e depois a 15:35 e. 
Ele afirmou que o objeto era enorme. Era brilhante e cantarolava, parecia um pires com um ponto. Ele viu o ocupante, cujas características não foram observadas para além de "estranhas" orelhas longas. Ele também disse que um rapaz estava tão assustado que chorou.

Tudor Owen Lloyd Jones (10): Informou que viu o objeto no nível do chão e atrás de um arbusto e afirmou que ele viu um "homem" e admitiu ter ficado muito assustado.

Jeremy Passmore (9): "Eu vi o ovni quando estava na hora do almoço. Era verde prateado e tinha uma luz de cor vermelha. Era um disco na parte inferior e uma espécie de abóbada no topo com a luz em cima. Estava a cerca de 250 metros de distância. Moveu-se um minuto e, em seguida, desapareceu. Ele tinha um barulho, mas eu não ouvi. Nós sentimos muito medo. David George queria alguém para ir com ele à casa de banho. Tudor Jones estava quase chorando porque ele estava com medo que ele ia ser desintegrado ou algo assim. Alguns colegas da nossa escola não acreditar em nós. Tentamos fazê-los acreditar. "Em respostas a perguntas específicas, Jeremy disse que o avistamento não durou menos de 5 minutos, o objeto estava no chão e viu uma" pessoa " com um fato prateado a cerca de 250 metros de distância.
Aqui estão alguns dos desenhos feitos.








Schoolmaster -Llewellyn disse mais tarde que as crianças eram bastante inflexíveis e que tinham visto algo de incomum e sentiu-se confiante de que não tinham conspirado na fabricação de uma história. 
Hugh Turnbull decidiu correr com a história no Telegraph ocidental sobre o 07 de fevereiro de 1977
Trecho abaixo: 


"... O disco voador foi visto pela primeira vez na hora do almoço na sexta-feira (04 fevereiro de 1977), atrás de um arbusto sobre 250 metros da escola. 
Maioria das crianças descrevem o objeto com a forma de disco clássico, embora outras s têm atraído-lo olhar mais como um pudim, ou mesmo um charuto. 
Alguns relatos dão com uma cúpula e janelas; outros dizem que tinha uma luz piscando.
As crianças dizem que ele desapareceu e reapareceu ao longo do tempo. 
Foi visto por outros alunos durante a pausa à tarde e imediatamente depois da escola. 
Seis dos jovens dizem que viram um astronauta com o pires. 
Ele estava vestido com a mesma cor cinza prateado como seu pires e - de acordo com algumas testemunhas - tinha orelhas pontudas como o Sr. Spock.
David Ward de 10 anos: "Ele não era uma pessoa, era muito alto, ele não parecia ser muito bom também."
RAF Oficial, Squadron Leader Timothy Webb estava convencido de que o seu filho Michael tinha testemunhado um verdadeiro OVNI.

No 17 Fevereiro um dos professores, que preferiram o anonimato, afirmou a BUFORA Pugh, que ela tinha deixado a escola pela entrada lateral (de frente para o leste) no dia. 
Algo brilhante despertou a sua atenção. 
Ela parou e pode ver um grande objeto em forma oval com uma ligeira cúpula, a cor do metal era brilhante. 
Também ouviu um zumbido e o objeto deslizou se afastado para a esquerda.
Em contraste direto com essas histórias fantásticas, Liz Philpott, um dos funcionários administrativos da escola acreditava que ela sabia o que tinha acontecido e foi algo muito mais mundano. 
Ela acreditava que as crianças e outras testemunhas tinham visto um Tanque de algum tipo nos campos adjacentes.

Ela contactou o administrador do local e perguntou-lhe para confirmar se algum de seus homens tinha conduzido um Tanque para dentro do campo. Sua resposta foi um simples "Absolutamente não. 
De maneira nenhuma poderíamos chegar lá ". 
Procuraram por  faixas e marcas de pneu, mas não conseguiu encontrar provas de um veículo ou de máquinas no campo.

Pugh observou que o terreno tinha um declive suave, mas depois tornou-se muito íngreme na alegada área do local de pouso. 
Um grande veículo que lutam para entrar no campo e quase certamente seria incapaz de sair. 
Ele também regista que o ponto de vista de onde as crianças viram o suposto OVNI que eles estavam procurando uma poça crescente de arbustos esparsos entre os troncos de duas árvores que cresciam juntas.




A BBC notícias mais tarde sugeriu que as crianças tinham visto o braço rotativo de uma máquina de esgotos em manutenção. 
Pugh descarta esta inteiramente como a máquina estava abaixo do nível dos olhos do ponto de observação. 
O seu relatório em 1977 para a Flying Saucer Review foi resumido com a sua afirmação de que a história era factualmente correta e que o medo foi adicionado como um critério de tal incidente ser real que um aluno ficou com tanto medo que fugiu tão rápido que caiu machucado a perna.



Tomado sozinho esta história poderia ser descartada como imaginações furtivas de jovens estudantes que teriam assistido aos filmes e series Doctor Who e Star Trek. (Star Wars e Contactos Imediatos que ainda não tinha chegado na Grã-Bretanha no início de 1977).
No entanto, este foi apenas o começo de avistamentos estranhos na área. 




A 6 de Abril de 1966 em Melbourne, Victoria, Austrália nor volta de 11:00h, por cerca, mais de 200 estudantes e professores de duas escolas estaduais vitorianos supostamente testemunharam um objeto voador que desceu inexplicávelmente num campo selvagem nas proximidades da escola.
Eram aproximadamente 11:00h da quarta-feira, 6, de Abril 1966, uma classe de alunos e um professor de Westall High School (agora Westall Secondary College) estavam a ter aulas de educação fisíca quando viram um objeto, descrito como sendo de cor cinza nave em forma de pires com uma ligeira tonalidade púrpura e tendo cerca de duas vezes o tamanho de um carro de família.
Descrições das testemunhas foram misturadas: Andrew Greenwood, um professor de ciências, disse ao Jornal Dandenong no momento em que viu um disco prateado-verde. 
De acordo com as testemunhas o objeto foi descendo e depois cruzados e sobrevoou canto sudoeste do alto da escola, indo em direção sul-leste, antes de desaparecer de vista, uma vez que desceu atrás de um grupo de árvores em frente da Escola Estadual Westall (alunos do ensino primário). Após um curto período (aproximadamente 20 minutos) o objeto - com testemunhas que hoje somam mais de 200 - em seguida, subiu em velocidade e partiu em direção a noroeste. 
Quando o objeto ganhou altitude alguns relatos descrevem-no como tendo sido perseguido a partir da cena por cinco aviões não identificados que circulavam o objeto

video

Um dos casos mais interessantes envolvendo ovnis e novamente crianças, ocorreu em Ruwa , Zimbabwe . Ruwa, uma pequena comunidade rural na África do Sul e as notícias da pequena cidade raramente saem de lá.
A 16 de Setembro de 1994, as crianças e professores da Escola Ariel relataram ter visto um OVNI que pousou nas imediações da escola.

As mais de 60 crianças alegam ter visto os tripulantes que pareciam convidar algumas destas crianças para o interior do ovni.

video